Abóbora com gergelim germinado!

A foto já aí, a receitinha e a história vem depois!
Essa abobóra chegou aqui na cru-zinha por conta da nossa permante, e quase compulsiva, busca por folhas interessantes para plantarmos em casa e no suco de clorofila com sementes germinadas! É, as folhas de abóbora são comestíveis (site do Terrapia/Ensp/Ficoruz)! Além de fáceis de manipular e lavar e ainda serem muito suculentas, essas mocinhas cabeludas e rasterinhas, são muito interessantes para facilitar o preparo do suco! Ah... isso porque estou considerando como parametro de comparação as folhas de cana e capim colonião, que demandam energia no cuidado ao tirar o talinho do centro, para não magoar o nosso amigo liquidificamor . A dica é ter sempre folhas da Abóbora ao nosso alcance, dentro de casa, em vasos, no quintal, num terreno da rua ou mesmo na calçada de um vizinho desavisado...rsrs Mas, para começar precisamos acessar as sementes! E, na feirinha orgânica de sábado, em Itacoá, lá estava a "Dona Abóbora", nome que minha amada vozinha adorava me chamar!. Enfim... A Dona Abobóra estava lá, toda se ofertando pousada no caminhão da feirinha! As sementes seguiram seu destino, foram para terra finalmente! Algumas sequei no sol para comer com sal, que adoro! E a Dona Abóbora toda foi pro papo de variadas maneiras, mas uma das formulas que criamos foi essa, modelada pelo Clovis, inspirado pelo lindo trabalho vivo da florzinha Inês Braconot! Ah! É bom lembrar que as sementes de abobóra não devem ser germinadas para o consumo humano , por sua toxidade, e nem tão pouco usadas no suco de clorofila, ok? Asta la vista, baby!

Creme de Abobora com Gergelim Natural Germinado
Ingredientes:
1/2 xícara de gergelim natural germinado (8 horas na água e 8 no ar)
1/4 de abóbora moranga
Cheiro Verde picadinho
Alho
Azeite
Sal
Gostinhas de 1/8 de um limão
Missô Claro

Preparo:
Descasque e pique a abóbora, liquidifique com ajuda de uma cenoura ou um pedaço de abóbora maior até virar um creme. Acrescente as gotas de limão, alho, o azeite e o missô. Vire para uma vasilha e acrescente cheiro verde e gergelim. Misture bem, ajuste o sal e pronto! Na hora de servir arrume com ajuda de uma forminha vasada! O Clóvis usou um potinho de plástico que vem com frutas secas, daqueles "descartáveis". Ele simplesmente cortou o fundo e serviu de forminha! Criatividade, reciclagem e arte!


É a primeira vez que a resposta de um comentário vem no post, pelo menos nesse blog! rsrsrsrs Mas escrevi o texto, quase na madrugada, com carinho especial para minha nova amiga grávida!
E aí é menino ou menina?

Peço desculpas pelos potenciais erros de português, depois de um dia longo, com muitas aulas, a essa hora o soninho é maior do que eu!

Beijinhos e até a próxima!